ESAC colabora com projetos (inter)municipais de combate a espécies invasoras, financiados pelo Fundo Ambiental

Continuando a assumir um papel de liderança na prevenção e controlo de espécies invasoras, a Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC), numa colaboração de longa data com o Centro de Ecologia  Funcional, encontra-se a colaborar com diversos municípios e comunidades intermunicipais portugueses em projetos financiados pelo Fundo Ambiental que visam a conservação da natureza e da biodiversidade através do combate à proliferação da planta invasora Cortaderia selloana e também de espécies invasoras aquáticas.
Fruto do conhecimento científico e técnico que detém na matéria, em concreto e no que diz respeito à prevenção, controlo e erradicação da Cortaderia selloana, vulgarmente conhecida como erva-das-pampas ou penachos, a ESAC participa em ações de sensibilização com as Câmara Municipais de Vila Nova de Poiares e Oliveira do Bairro, e futuramente, com a Câmara Municipal de Cantanhede. Já com os Municípios de Vagos e de Arganil, esta instituição de ensino superior colabora na definição de métodos de controlo.
De referir que todos os Municípios mencionados, assim como o próprio IPC, aderiram à Estratégia Transnacional de luta contra a Cortaderia selloana no Arco Atlântico, desenvolvida no âmbito do projeto LIFE STOP Cortaderia, do qual a ESAC é entidade parceira bastante ativa. Trata-se de uma Estratégia que surge como resposta à necessidade de coordenação do grande número de entidades envolvidas em conter a expansão desta planta invasora, tanto do ponto de vista sectorial como geográfico.
No que toca à intervenção com foco nas espécies invasoras exóticas aquáticas, como é o caso das ludevígias (Ludwigia spp.) e das elódeas (Lagarosiphon major, Egeria densa, Elodea canadensis), a ESAC contribui, entre outras tarefas, para o desenvolvimento de planos de ação para a Comunidade Intermunicipal Região de Coimbra, dos quais beneficiam diversos municípios integrados, alguns dos quais também com projetos direcionados para a erva-das-pampas aprovados e já citados.

Secção: Null

Publicado: 26 de Novembro de 2021 | 15:49h

Escola Superior Agrária de Coimbra