Cursos > Licenciaturas > Biotecnologia >

Biotecnologia

Escola Superior Agrária de Coimbra

Código DGES    
Duração          
Créditos ECTS     
Acreditação     
Registo DGES
9016
6 semestres
180
A3ES: 18/03/2011     
R/A-Ef 357/2011 (18/03/2011)/AL01 de 07-06-2018

 

Coordenador de Curso                       
Comissão de curso    
Comissão de Estágios
Kiril Bahcevandziev (kiril@esac.pt)

Isabel Duarte (iduarte@esac.pt)
Cláudia Santos (csantos@esac.pt)
Maria Manuel Vidal (balseiro@esac.pt)
Afonso Gonçalves Roberto Ruivo Correia - 1º ano
Lucile Bonneau - 2 Ano
João Miguel Gomes Tomás - 3 Ano

Kiril Bahcevandziev
Olga Filipe
Roberto Costa

Objetivos Gerais do Curso
Fornecer uma sólida formação científica, teórica e aplicada, de carácter genérico, que permita ao aluno iniciar uma atividade profissional, desenvolver atividades de investigação aplicada e desenvolvimento, empreendedorismo e inovação quer a nível nacional quer internacional, nas várias vertentes da área da biotecnologia: biomédica, farmacêutica, agroalimentar, energia, ambiente, etc.

Regime de Estudos          
Plano de estudos           
 
Horário diurno
   
Acesso a um Nível de Estudos Superior
Pós-graduação, Mestrado

Mestrado de continuidade: acesso direto dos diplomados e dos finalistas (a quem faltem 4 UC para terminar) da licenciatura em Biotecnologia ao mestrado em Biotecnologia da Escola Superior Agrária de Coimbra.

Condições de Acesso e Ingresso
Regime geral de acesso: umas das seguintes provas 02 Biologia e Geologia; 07 Física e Química; 16 Matemática
Concursos especiais: transferência, mudança de curso, prova para maiores de 23 anos, detentores de diplomas de Curso de Especialização Tecnológica, detentores de diploma de Curso técnico Superior Profissional.

Dados Estatísticos de Candidaturas Anteriores (DGES)
A informação disponibilizada não dispensa a consulta à página da Direção Geral do Ensino Superior (DGES) e/ou a página dos candidatos.

Enquadramento Legal da Qualificação
Despacho nº 6807/2018 (Diário da República, 2ª série, Nº 133, 12 de julho de 2018) alteração da Portaria nº 1211/2005, de 25 de novembro e no Despacho n.º 14566/2011, de 26 de outubro.

Saídas Profissionais
Atendendo à diversidade de aplicações da Biotecnologia, as saídas profissionais para os licenciados nesta área são muito diversas: empresas de serviços, apoio técnico-científico, entidades estatais, instituições de ensino e de investigação científica e de desenvolvimento, indústrias de fermentação, agroalimentares, farmacêuticas, químicas e em domínios de intervenção da biotecnologia nas áreas agrícola, florestal, animal e ambiental.